quarta-feira, 2 de abril de 2008


Fico muito feliz. com coméntários como esse do Muricy, fiquei feliz mesmo...bjão a todos


Dedicação de Adriano surpreende Muricy
Técnico pensou que o Imperador fosse fazer corpo mole em determinados jogos



Adriano está em alta no Tricolor. Elogiado pelo elenco, agora foi a vez de receber mimos do técnico Muricy Ramalho. O treinador do São Paulo diz que o Imperador superou suas expectativas em relação à motivação para jogar, até porque, não fosse a expulsão no clássico contra o Santos, o atacante teria atuado em todas as partidas do Tricolor no ano, sem sequer ser substituído.


- O que me chama a atenção é que, pela fama que o Adriano tinha, se ele não tivesse sido suspenso teria sido o jogador que mais atuou este ano, ao lado de Rogério Ceni e Jorge Wagner – argumenta o comandante são-paulino, em entrevista à rádio Jovem Pan. Muricy admite que pensou que o Imperador fosse dar o bom e velho “migué” em algumas situações.


- Ele não se esconde de treinamento e nem de viagens. Tem jogador que reclama e não quer ir para Mirassol jogar, mas não é o caso do Adriano. Isso nos surpreendeu muito, porque ele está jogando demais e nunca entra no departamento médico. Sabe como é... Jogador famoso às vezes não quer jogar, mas ele não. O Adriano se expõe mesmo e treina todos os dias muito duro- completa o treinador.


Após 18 partidas no São Paulo, o atacante Adriano registrou seu melhor início em um clube na carreira, com os mesmos números da época do Parma (ITA) - 2002/2003. Com média de 0,55 gol por jogo, o Imperador marcou dez vezes até este momento. Foi o mesmo rendimento de quando ele defendeu o Parma, em 18 partidas válidas pela Copa da Uefa e Italiano. No Flamengo, Fiorentina (com menos jogos) e Inter, ele não teve um começo tão arrasador.

Um comentário:

Sani disse...

Ai gente amei essa postagem!
Fiquei feli z em saber q o Adriano ta até surpreendendo o pessoal do são paulo.
Queremos seleçaõ!