sexta-feira, 18 de dezembro de 2009


ÓLA A TODOS E QUE BOM QUE O ANDRADE FICOU ESTAV TORCENDO POR UM FINAL FELIZ..ACHEI MUITO BOM PUNIR OS BARDENEIROS QUE BRIGARAM NA FINAL DO BRASILEIRÃO JA ESTAVA NA HORA..BOM FINAL DE SEMANA A TODOS. GRANDE BEIJO


Futebol em paz

Sábado passado, a fábula de um futebol pacificado se materializou na boate People Club, na Barra, num bom exemplo dado por jogadores de Flamengo e Botafogo. Craques dos dois times, inclusive o Imperador Adriano, comemoravam o sucesso de suas cruzadas - o hexa rubro-negro e a salvação alvinegra - na maior camaradagem.

Falta só as torcidas copiarem o bom exemplo.



Adriano iguala feito de Renato em 2006
Na década, Imperador só fez menos gols em um ano do que Edílson, que marcou 28 em 2001
Da equipe do site oficial do Flamengo
Versão para impressão
Enviar por e-mail
Diminui o tamanho da fonte Aumenta o tamanho da fonte
Imperador voltou em grande estilo à Gávea

Imperador voltou em grande estilo à Gávea

Artilheiro do Campeonato Brasileiro de 2009, o Imperador Adriano conseguiu, em seis meses de clube, igualar o feito de Renato, em 2006, ao marcar 19 gols em uma temporada. Esta é a segunda maior marca de um único jogador pelo Flamengo nos anos desta década. O jogador só ficou atrás de Edilson, que marcou 28 vezes em 2001. Vale lembrar que o maior artilheiro do Flamengo nos anos 2000, no total, é Obina, que balançou a rede 47 vezes.

O retorno de Adriano ao Flamengo foi fundamental para o hexacampeonato brasileiro conquistado pelo clube no último dia 6 de dezembro, na vitória por 2 a 1 sobre o Grêmio. O Imperador foi um dos grandes nomes da arrancada e foi decisivo em diversas partidas na competição. Por isso, o Imperador já entrou para a história do clube.

Além de ter conseguido igualar os números de Renato na temporada 2006, ele foi o terceiro jogador do Rubro-Negro a ser artilheiro do Campeonato Brasileiro. O jogador igualou o feito de Zico, em 1980 e 1982 (com 21 e 20 gols, respectivamente), e de Nunes, em 1981 (com 16 gols). Dos 58 gols assinalados pelos atletas rubro-negros em 2009, o atacante estava em campo quando 46 deles aconteceram e participou de nada menos que 70% destes lances. Em números absolutos, contando todos os tentos, a colaboração também é muito significativa: 55% dos gols passaram pelos pés de sua maior estrela.

O Imperador retornou ao Flamengo para voltar a sorrir, mas fez muito mais do que isso: colocou também sorrisos na boca dos 35 milhões de rubro-negros apaixonados, que vibraram com seus gols e com o título brasileiro.

Os gols de Adriano: Flamengo 2 x 1 Atlético-PR (1 gol), Flamengo 4 x 0 Inter (3 gols), Flamengo 2 x 2 São Paulo (1 gol), Flamengo 1 x 2 Palmeiras (1 gol), Flamengo 2 x 2 Botafogo (1 gol), Flamengo 2 x 1 Santos (1 gol), Goiás 3 x 2 Flamengo (1 gol), Flamengo 1 x 0 Corinthians (1 gol), Flamengo 3 x 0 Sport (2 gols), Flamengo 3 x 0 Coritiba (1 gol), Flamengo 2 x 0 Fluminense (2 gols), Flamengo 1 x 0 Botafogo (1 gol), Flamengo 1 x 0 Santos (1 gol), Flamengo 3x1 Atlético Mineiro (1 gol), Flamengo 2 x 0 Náutico (1 gol). Clique aqui para assistir aos gols do craque.

Cinco maiores artilheiros da década – Obina - 47 gols (7 gols em 2005 + 16 gols em 2006 + 9 gols em 2007 + 15 gols em 2008), Renato - 46 gols (14 gols em 2005 + 19 gols em 2006 + 13 gols em 2007), Edílson - 44 gols (28 gols em 2001 + 16 gols em 2003), Léo Moura - 34 gols (7 gols em 2005 + 2 gols em 2006 + 5 gols em 2007 + 13 gols em 2008 + 7 gols em 2009) e Ibson - 33 gols (10 gols em 2004 + 1 gol em 2005 + 6 gols em 2007 + 15 gols em 2008 + 1 gol em 2009). Confira a lista completa aqui.

Cinco maiores artilheiros da história – Zico, com 509 gols, Dida, com 264 gols, Henrique, com 216 gols, Romário, com 204 gols e Pirilo, também com 204. Clique aqui para ter acesso a mais informações sobre os artilheiros do Clube de Regatas do Flamengo na Flapédia.

Um comentário:

Lilian Bruni disse...

oi gostei do blog.Parabéns!!!
Eu tenho um blog e tbm sou mto fã do Goleiro Bruno, e flamenguista tbm.
Visita lá: http://brunosouza1.blogspot.com/

bjss ♥