segunda-feira, 2 de fevereiro de 2009


ola galera ... vamos as noticias didico deu uma entrevista rompendo o silencio falou de coisas que realmente os chateiam.. adorei.. agora só falta 2 joguinhhos só.. ai que saco.kkk.. bjs

"José Mourinho salvou a minha carreira"

O avançado do Inter de Milão diz que não é “um bêbedo”, elogia os companheiros Figo e Ibrahimovic e sonha ganhar a ‘Champions’.

Correio Sport – Depois de muito se ter falado do seu futuro, parece que está de pedra e cal no Inter de Milão e a marcar golos.

Adriano – Sem dúvida. Faço aquilo que melhor sei. Jogo por um clube que adoro e trabalho para ajudar a equipa. Falou-se demasiado da minha situação.

Admite, no entanto, cometer alguns excessos...

– Tenho 26 anos. Sou jovem e gosto de me divertir.

– É verdade que chegou a um treino embriagado?

– Metade do que se escreveu sobre mim é mentira. Não sou bêbedo nem nunca fui. Atrasei-me uma vez. Apenas isso.

– Está já tudo ultrapassado? Já fez as pazes com o seu treinador, José Mourinho?

– Nunca estivemos zangados. Falámos e encontrámos uma solução. Admito logo os meus erros. Estava farto das críticas e o treinador compreendeu. Mourinho salvou a minha carreira.

– Como é a sua relação com o treinador?

– Muito boa. Aliás, como é com todos os outros jogadores. Mourinho é um treinador fantástico. Fora-de-série mesmo.

– Tem sido titular ao lado de Ibrahimovic num sistema 4x4x2. É como se sente mais cómodo a jogar?

Sim. Gosto muito do sistema que o treinador tem implementado. É fácil jogar com Ibrahimovic.

– Ibrahimovic tem sido o jogador em maior destaque na sua equipa...

– É um jogador fenomenal. Do melhor que já vi na minha carreira.

– Será ele, também, um futuro Bola de Ouro?

Vai depender muito da campanha da sua selecção [Suécia]. Mas ninguém tem dúvidas do seu valor.

Qual a razão para o fraco rendimento de Quaresma?

Vem de um campeonato completamente diferente. Aqui o espaço é mais reduzido. Mas terá tempo para se impor.

– Conversa com ele?

– Sim, falamos todos. Damos-lhe apoio e coragem para continuar a trabalhar com a mesma vontade.

– E Luís Figo? Surpreende-o que ainda jogue a este nível aos 35 anos?

Não. Estamos a falar de um dos melhores jogadores do Mundo de todos os tempos. Ninguém se lembra da idade de Figo pois continua a fazer a diferença.

– Figo deve continuar no Inter na próxima época?

Claro! Que será do Inter sem Figo (sorriso)? É um jogador experiente e um líder dentro e fora do campo. É um prazer trabalhar com ele.

Esteve para sair se Mancini continuasse no clube...

– Mas isso não aconteceu. Quem saiu foi Mancini.

– Apesar de ter sido tricampeão italiano...

– Foi o fim de um ciclo. Agora temos José Mourinho.

– Quais as diferenças entre Mourinho e Mancini?

– São dois bons treinadores. Mourinho é mais completo. Mancini foi ex-jogador. Ambos têm grande competência.

Mas também se incompatibilizou com Mancini...

– São coisas do passado.

– Esteve cedido ao São Paulo mas acabou por regressar. Equacionou não mais voltar a Itália?

Sim, cheguei a pensar nisso. Depois falei com os responsáveis do clube que me convenceram a voltar.

– É verdade que esteve para ser incluído no negócio Quaresma?

Por mais de uma vez ouvi notícias nesse sentido. Mas comigo ninguém falou.

Admite jogar em Portugal?

– Neste momento, não.

– Qual a maior qualidade de José Mourinho?

A forma como lida com todo o grupo. Para ele somos todos iguais. Tem um grande carisma e tenta colocar a pressão toda para si. Nós limitamo-nos a jogar.

– Qual o objectivo da época?

– São dois. O campeonato e a Liga dos Campeões.

– Mas o Inter tem desiludido na Europa...

– Fizemos bons jogos. Outros em que não fomos felizes. A partir de agora será diferente.

Seria especial vencer a ‘Champions’?

Claro. É um sonho antigo que tenho. Seria muito importante para o clube vencer a prova.

– Mourinho já a venceu ao serviço do FC Porto...

E sabemos que com ele estamos mais próximos de o conseguir.

– Quando chegou a Inglaterra, para orientar o Chelsea, Mourinho disse que era 'um treinador especial'. E em Itália, continua a sê-lo?

– (risos) Sim, ele é, realmente, especial. Em tudo. Na forma como trabalha, como se relaciona com os dirigentes e com a própria Imprensa. José Mourinho foi a melhor contratação que o Inter podia ter feito.

– Recentemente, falou-se do interesse do Inter em Di María, extremo argentino do Benfica. Conhece o jogador?

– Sim, conheço. É muito jovem e tem muito talento.

E Luisão?

É um defesa-central de grande qualidade e muito útil à nossa selecção [Brasil].

– Cristiano Ronaldo é o melhor jogador do Mundo?

Sim. Fez uma grande época. E está num clube que lhe permite evoluir.

PERFIL
Adriano nasceu a 17 de Fevereiro de 1982 (26 anos) no Rio Janeiro (Brasil). Despontou para o estrelato no Flamengo antes de ser descoberto pelo Inter de Milão aos 18 anos. Seguiram-se empréstimos à Fiorentina e Parma, antes de impor-se no tricampeão italiano. Quatro épocas em San Siro não chegaram para convencer Mancini, técnico com o qual se incompatibilizou. Esteve seis meses no São Paulo, por empréstimo, antes de regressar aos ‘nerazzurri’ a pedido de José Mourinho
.

.

4 comentários:

T.T disse...

vcs viram q lindooo...o didico e o ibra sao os unicos com vaga garantida na equipe!!!!

Anjinha disse...

Que seu caminho seja sempre guiado por Deus!!amo ver esse homem na tv,me traz uma forte lembrança de alguém que foi muito importante na minha vida, e isso é bommmmmmmm.

samia moura disse...

q bom q ele ta de volta
ja ñ aguentava mais, tanto tempo sem ve-lo fica xato
mas ele ta feliz e ta bem isso é o importa
didico te dolu muito
bjimmmmmmmmmmmmmmmmmm

lilia maria disse...

o ADRIANO é tudo na minha vida se fosse pra mim morrer por ele eu morreria
te amo*
by:lilia